Busca Avançada

Escolha a categoria:

Escolha as principais características:

 

Notícias

11/08/2016 15:33:54 - Atualizado em 11/08/2016 15:42:01

Pokémon Go e direção não combinam

Jogo de realidade aumentada, muito comum entre os jovens, pode ocasionar multas e acidentes de trânsito. Saiba como evitar distrações ao volante

Lançado no Brasil na última quarta, 3, o jogo de realidade aumentada, que combina o uso do celular e lugares reais, "Pokémon Go", já é uma febre entre os brasileiros. O jogo é voltado para jovens e adultos, e incentiva o jogador a explorar locais, seguindo orientações do GPS afim de capturar pokémons, obtendo pontuações e acessórios.
Nos Estados Unidos, o jogo ocasionou situações perigosas, que incluíam atropelamento e colisões entre veículos. Tudo porque o jogador utilizava o celular durante a condução veicular para chegar ao local indicado pelo jogo. Para prevenir situações como essas, os Detrans do Brasil criaram anúncios alertando aos motoristas sobre os riscos das distrações que o jogo pode causar.
No Brasil, falar ou manusear o celular enquanto dirige é infração média, com multa de R$ 85,13, e a perda de quatro pontos na Carteira Nacional de Habilitação - CNH.
O superintendente da SMTT, Major Cruz, lembra que a multa passará para de média para gravíssima. "Há um crescimento continuo de uso de celular durante a condução. Essas infrações são responsáveis por um grande número de acidentes, e por isso, é preciso endurecer a punição para que o condutor se conscientize e não utilize o celular no trânsito, mesmos nos semáforos", ressalta.

Gil Fonseca / Editoria de Arte Cinform

Nas primeiras 24h de seu lançamento, jogador do Pokémon Go já sofreu
atropelamento no Paraná. Detran/SE iniciou campanha preventiva


PREVENÇÃO
A infração será modificada no próximo dia 3 de novembro, e passará a incidir em perda de sete pontos na CNH, e pagamento de multa de R$ 293,47. "É importante que os condutores obedeçam a legislação e se conscientize dos perigos que o celular traz ao trânsito. Muitos acidentes e até mortes poderiam ser evitados sem uso dessa ferramenta enquanto dirige", conclui.
A equipe de Comunicação Social do Detran em Sergipe, já começou a advertir condutores e pedestres sobre o uso do jogo de realidade aumentada. Onde nas primeiras 24 horas de seu lançamento, já houve registro de atropelamento no Paraná.
Para Luana Luduvice, assessora do órgão, a repercussão e os acidentes que já aconteceram em outros países, é um sinal de alerta.
"Nós temos acompanhado a repercussão do jogo pelo mundo. Já houve diversos registros de acidentes de trânsito, assim como atropelamento", detalha.
O órgão iniciou uma campanha de alerta pelas redes sociais. "Queremos atingir o público-alvo desse jogo, então o primeiro alerta foi realizado onde eles se mantêm conectados. Alertando não só aos motoristas, mas também aos pedestres. O intuito é alertar o maior número de pessoas possíveis, e assim evitar acidentes com os jogadores", explica Luana.
 

MAIS NOTÍCIAS